ondjoweb/admin/galeriafotos/postImg/b97427bfdab16caddf005903707e0c5d.jpg

Três golos brasileiros salvam Lito Vidigal do deslize na Taça

Com três golos do brasileiro Rodrigo Pinho, o Marítimo “sem o avançado Milson” carimbou, esta segunda-feira, o passaporte para a quarta eliminatória da Taça de Portugal, ao derrotar o Penafiel, por 3-2, no estádio dos Barreiros, numa partida em que o conjunto de Lito Vidigal teve de buscar a qualificação no prolongamento.

 

Sem Mateus Galiano entre as opções, os visitantes abriram o marcador logo aos 17 minutos, quando o brasileiro Bruno César cobrou, com sucesso, uma grande penalidade, mas o Marítimo respondeu também na marcação de uma grande penalidade, apenas 14 minutos depois, por intermédio de Rodrigo Pinho. Resultado com que as equipas foram ao intervalo.

 

No reatamento, Simãozinho precisou de 12 minutos, para desfazer a igualdade, para aos 79, Rodrigo Pinho, novamente da marca de grande penalidade repor a igualdade.

 

Sem qualquer alteração no marcador até ao final do tempo regulamentar, foi necessário recorrer ao prolongamento, para o avançado brasileiro as ordens de Lito Vidigal apontar o terceiro, no terceiro minuto do prolongamento, selando o resultado.

author-avatar
admin

Colunista Claque Magazine desde 2017

Deixe seu comentário
VER TAMBÉM



https://claquemagazine.com/noticia-singular.php?postId=94