Sagrada empata com Zamalek

O Sagrada Esperança encerrou a fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos de futebol, com empate nulo, na visita o Zamalek SC do Egipto, em jogo disputado sexta-feira, no Estádio Internacional do Cairo, terminando na última posição, do Grupo D, com dois pontos.

Num jogo sem muitos dados para a história, as duas formações chegaram a este encontro já sem hipótese de qualificação, e disputavam a terceira posição, com vantagem dos egípcios com quatro (4) pontos, ao passo que o Sagrada Esperança somou (2) dois pontos.

Como estreante nesta fase da competição, o campeão angolano não obteve qualquer vitória, tal como os egípcios, que entraram para a competição como um dos favoritos.

Para o mesmo Grupo, o Petro de Luanda foi goleado na noite deste sábado em Casablanca, por 5-1, diante do Wydad, que terminou na liderança com 15 pontos, seguido do Petro de Luanda, com 11, ambos qualificados.

Supertaça: Sagrada perde o título

O Sagrada Esperança perde o título de campeão da Supertaça 2021/22, conquistado, a 26 setembro 2021, em Benguela, ao vencer o Petro de Luanda, por 4-3, no desempate por pênaltis, depois de disputado em uma mão, contrariando o regulamento, que orienta duas mãos. A decisão da perda do título e remarcação do segundo jogo será conhecida este sábado, em Assembleia Geral da Federação Angolana de Futebol, que tem este ponto em agenda.

De acordo com a fonte, o Petro de Luanda desde o início protestou a derrota e recebeu apoio da Associação Provincial de Futebol de Luanda, assim como de outros clubes e associação, o que obrigou a FAF a rever a decisão e propor a análise colectiva em Assembleia.

Mercado: Gerson Barros reforça o campeão nacional

O guarda redes Gerson Bruno da Costa Barros, 34 anos, que nas últimas 8 épocas representou o Petro de Luanda é dado como certo no Sagrada Esperança, segundo fonte ligada aos representantes da Lunda Norte, no Girabola.

De acordo com a fonte, o experiênte guarda redes se junta a equipa liderada pelo treinador Roque Sapiri, num vínculo válido por uma época e outra de opção.

Zeca Amaral e Miller Gomes apontados para as vagas de Bodunha e Roque Sapiri

José Jorge Amaral, vulgo Zeca Amaral, que a cinco épocas orienta o FC Bravos do Maquis, é o treinador apontado para substituir Mateus Agostinho “Bodunha” na equipa principal do Petro de Luanda, ao passo que Miller Gomes, actual director técnico nacional é apontado ao Sagrada Esperança, segundo apurou à Claque Magazine, junto das duas instituições.

As fontes garantem que ambas decisões surgem na necessidade de se cumprir as exigências da Confederação Africana de Futebol (CAF), relacionado com a obrigatoriedade dos treinadores terem a licença A, para estarem habilitados para orientar nas Afrotaças.

Os petrolíferos tencionam manter o Bodunha como treinador principal para as provas internas, e preparador físico nas Afrotaças, enquanto que Zeca Amaral é apontado como treinador nas Afrotaças e Coordenador do futebol a nível interno.

No Sagrada, Miller Gomes é apontado como técnico principal para todas as competições, tendo Roque Sapiri como auxiliar.

Salientar que Zeca Amaral e Miller Gomes são os únicos angolanos com licença A da Confederação Africana de Futebol. Miller Gomes tem ainda a licença B da UEFA, é Instrutor da CAF Elite.

António Dungula é o árbitro para o Petro vs Sagrada Esperança

O internacional António Dungula é o árbitro escolhido para dirigir o jogo da decisão do título do Girabola 2020/21, entre o Petro de Luanda vs Sagrada Esperança, marcado para sábado às 15 horas, no estádio 11 de Novembro, referente a 30ª e última jornada.

Segundo dados que a Claque Magazine teve acesso, António Dungula que vem de uma participação na edição 2021 da Taça COSAFA, prova que decorreu de 05 a 18 de Julho, na região de Port Elizabeth, na África do Sul, terá como assistentes Gerson Emiliano e Wilson Tyamba.

Petro empata e perde a oportunidade de recuperar a liderança

O Petro de Luanda empatou esta segunda-feira, sem golos, no Estádio 11 de Novembro, com o Cuando Cubango FC, em jogo da 28ª jornada do Girabola 2021, e desperdiçou a oportunidade de se isolar na liderança, aproveitando a derrota do Sagrada no Huambo, diante da Caála.

Em busca da vitória rumo ao título que foge a 11 anos, os pupilos de Bodunha não foram além de um empate nulo e não aproveitaram a derrota do Sagrada Esperança, que no Huambo viu o avançado Depú a apontar o tento da derrota.

Com estes resultados, as duas equipas partilham a liderança com 64 pontos.

Sagrada perde diante da Caála e atrasa-se na corrida ao título

O Sagrada Esperança da Lunda Norte desperdiçou a oportunidade de distanciar-se na liderança do Girabola 2021 na corrida ao título, ao perder na Caála, nesta segunda-feira, diante do Recreativo local, com tento solitário do avançado Depú, em jogo da 28ª jornada da competição.

Num jogo em que os lundas previam se distanciar na manutenção da liderança, ao passo que os caalense pretendiam honrar o falecido treinador David Dias, Depú foi mais feliz, ao marcar aos 19 minutos, de cabeça, em resposta a execução de um livre.

No jogo disputado no estádio 11 de Novembro, o Petro de Luanda não conseguiu evitar o nulo, diante do Cuando Cubango FC.

Com estes resultados, o Sagrada e o Petro partilham a liderança com 64 pontos. A Caála ocupa a quinta posição com 43 pontos, mais um que o Interclube no sexto posto, que hoje empatou em casa a zero golos com o Libolo.

Girabola: Sagrada Esperança “devorado” pelos Leões de Cabinda

O Sagrada Esperança perdeu ontem, diante do Sporting de Cabinda, com golo solitário de Gláucio Fanfa, em jogo da 17ª jornada, disputado no estádio do Tafe, somando a segunda derrota na prova.

Num jogo em que os lundas eram favoritos pelo facto da boa campanha que têm estado a realizar, adicionado ao factor liderança da prova, diante do Sporting de Cabinda que atravessa enormes dificuldades financeiras, Gláucio Fanfa construiu a vitória, aos 20 minutos de jogo.

Apesar do desaire, o Sagrada mantém-se provisoriamente na liderança, com 38 pontos, mais dois que o 1º de Agosto, que recebe hoje, o Cuando Cubango, ao passo que o Sporting de Cabinda soma 17 na 13ª posição.

Ainda ontem, o Petro de Luanda voltou a ceder pontos, ao empatar (1-1) frente ao Recreativo do Libolo, em Calulo, com golos marcados por Picas (48´) e Fófó (41´) para os visitados. O Bravos do Maquis e Académica do Lobito também empataram a uma bola, no estádio Mundunduleno. No Lubango, o Desportivo da Huíla venceu o Ferrovia do Huambo, por 3-2, num jogo em que Agostinho Tramagal cedeu duras críticas a equipa de arbitragem. O Progresso Sambizanga derrotou a Baixa de Cassanje, por 4-2, no estádio dos Coqueiros, em Luanda.

A ronda prossegue domingo com os desafios entre o Williete de Benguela a receber o Interclube, e Recreativo da Cáala o Santa Rita de Cássia do Uige, além do 1º de Agosto vs Cuando Cubango FC, às 17h00, no estádio 11 de Novembro.

Girabola: Sagrada Esperança vence em acerto de calendário

O Sagrada Esperança da Lunda Norte, venceu hoje, em casa, por 1-0, o Sporting de Cabinda, em partida de acerto a 2ª jornada do Girabola, ascendendo a terceira posição na tabela classificativa.

Os visitantes motivados em contrariar os favoritismos dos diamantíferos, aproveitaram um erro defensivo da equipa caseira aos 12 minutos, e viram o poste a negar o golo aos 12 minutos. Alertados, os lundas aguardaram por 16 minutos, depois do desperdício dos Leões de Cabinda, para apontar o tento solitário, através de uma grande penalidade, por intermédio de Jó Paciência.

Ainda hoje, o Petro de Luanda venceu no estádio 11 de Novembro, o Desportivo da Huíla, por 2-1, em acerto da 14ª ronda, e reassumiu a liderança com 28 pontos. O 1º de Agosto, também jogou e venceu na deslocação a Malanje, por 2-0, frente à Baixa de Cassanje.

P