ANFA defende salário mínimo de 200 mil kwanzas

O presidente da Associação Nacional dos Futebolistas de Angola (ANFA) defendeu esta quinta-feira, a fixação de um salário mínimo de 200 mil kwanzas, por formas a minorar a precariedade social dos atletas. A informação foi avançada pela Angop.

Segundo a fonte, Igor Nascimento afirma que uma das principais acções da ANFA tem sido persuadir a Federação Angola de Futebol (FAF) e os clubes, de maneiras que, dentro dos critérios exigidos para a inscrição em provas nacionais, possam definir um salário mínimo, salientando que grande parte dos atletas, auferem entre 25 a 150 mil kwanzas mês, o que não dignifica e nem ajuda a suprir necessidades básicas.

“Se temos, por um lado, clubes que pagam salários na ordem dos três a dez milhões de kwanzas por mês, há outros com ordenados de apenas 25 a 150 mil kwanzas por mês”, reiterou.

Igor Nascimento candidado ao cargo de secretário-geral adjunto da FIFPro-África

O presidente de direcção da Associação Nacional dos Futebolistas  de Angola (ANFA), Igor Nascimento foi oficializado como um dos candidatos para o cargo de secretário-geral adjunto, da divisão africana da Federação Internacional de Associações de Futebolistas Profissionais “FIFPro”, segundo nota da organização representativa dos jogadores profissionais de futebol em África.

A eleição está prevista para o dia 17 do corrente mês, em Johannesburg, África do Sul, na sequência da Assembleia Geral Eleitoral da Federação Internacional de Associações de Futebolistas Profissionais “FIFPro” divisão África, a decorrer de 16 a 17 do corrente mês, na terra de Nelson Mandela.

A cumprir o primeiro mandato na ANFA, órgão membro observador da FIFPro, desde Janeiro último, Igor Nascimento disputa o cargo com o representante do Gabão e outro do Botswana.

 

ANFA presente no Congresso da FIFPro divisão África

Associação Nacional dos Futebolistas  de Angola (ANFA), representada pelo seu presidente de direcção, Igor Nascimento, é umas das associações convidadas para participar na Assembleia Geral Eleitoral da Federação Internacional de Associações de Futebolistas Profissionais “FIFPro” divisão África, a decorrer de 16 a 17 do corrente mês, no Sandton Sun Hotel, em Johannesburg, África do Sul.

Segundo nota da representação africana da FIFPro, que a Claque Magazine teve acesso, parte do destaque da agenda de trabalho a ser liderado pelo presidente Opening Geremi, será a apresentação da ANFA como novo membro, depois de ter tornado membro observador da FIFPro, desde o último Janeiro.

Consta ainda da agenda a aprovação das atas de resoluções da Assembleia Geral, realizada em Accra, Gana, no passado mês julho; A discussão para a eleição do onze ideal FIFPRO/CAF; Além da eleição dos responsáveis da Board da FIFPro, em que o representante angolano, Igor Nascimento, é um dos candidato, para o cargo de secretário-geral adjunto.

P