Palancas Negras defrontam congêneres da Guiné-Bissau e Guiné Equatorial

A selecção angolana de futebol defronta as congéneres da Guiné-Bissau e Guiné Equatorial, a 21 e 28 de Março, datas FIFA, segundo a imprensa Lusa, citando o vice-presidente da Federação Angolana de Futebol, José Carlos Miguel.

De acordo com a fonte, os Jogos vão ser realizados em Portugal e que a Federação Angolana de Futebol solicitou à FIFA que valide as partidas.

A Claque Magazine apurou junto da Federação Angolana de Futebol que o conjunto nacional será convocada dentro de 15 dias, rumando em seguida para Portugal onde fará a concentração, prevendo convocar cerca de 85% dos jogadores, a militar na Europa.

A seleção nacional prepara-se para a fase de apuramento da próxima Taça das Nações Africanas (CAN), que se vai disputar em 2023, na Costa do Marfim.

FIFA volta a sancionar o Kabuscorp por incumprimento contratual

A FIFA puniu o Kabuscorp do Palanca por incumprimento contratual, anunciou esta sexta-feira a Federação Angolana de Futebol (FAF), em comunicado.

De acordo com o referido comunicado, o Kabuscorp do Palanca, que em janeiro, havia sido punido pela Federação Angolana de Futebol (FAF) com a retirada de três pontos no Girabola, por incumprimento contratual com o antigo guarda-redes Elber, está proibido de registar novos jogadores, por dívida ao sérvio Zoran Maki, ex-treinador do clube entre 2012 a 2014.

Recentemente, o Kabuscorp que regressou está época ao Girabola, depois da despromoção, em cumprimento a punição da FIFA no caso Rivaldo, bem como com o congolês democrático Trèsor Mputo, foi intimado pela FAF a pagar, igualmente, uma dívida de quinze milhões e quinhentos mil Kwanzas ao também ex-atleta do clube, Nary.

A Claque Magazine sabe que clube liderado por Bento Kangamba tem inúmeras dívidas por acertar, como por exemplo o treinador português Paulo Torres, que se arrasta desde 2019.

No mesmo comunicado a Federação Angolana de Futebol dá conta que o 1.º de Agosto também está proibido de inscrever novos jogadores, por dívida ao jogador hondurenho Bryan Moya, contratado na época 2020/21, por duas épocas, mas após uma época viu o seu contrato rescindido.

FIFA sanciona 1.º de Agosto por incumprimento contratual

A FIFA puniu o 1.º de Agosto por incumprimento contratual com o jogador hondurenho Bryan Moya, contratado na época 2020/21, anunciou esta sexta-feira a Federação Angolana de Futebol (FAF), em comunicado.

O atleta que a quando da rescisão foi apontada como sendo por mútuo acordo, apresentou a FIFA reclamação por incumprimento no pagamento dos salários, que rondava ao equivalente a cerca de 13 mil dólares mensal, depois de ter acumulado 5 meses, sem o devido pagamento no prazo estabelecido.

Bryan Moya foi contratado na época 2020/21, por duas épocas, mas após uma época viu o seu contrato rescindido.

No mesmo comunicado a Federação Angolana de Futebol dá conta que o Kabuscorp do Palanca também foi punido pela mesma razão, em sequência da dívida ao sérvio Zoran Maki, ex-treinador do clube entre 2012 a 2014.

Angolano nomeado para o Bureau do Conselho da FIFA

O angolano Francisco José Policarpo Baptista foi nomeado pela Federação Internacional de Futebol (FIFA) à membro da Câmara do Estatuto dos Jogadores do Tribunal de Futebol, órgão do Tribunal de Futebol, segundo nota da Federação Angolana de Futebol (FAF), cuja nomeação entra em vigor à 1 de Outubro de 2021, válido por 4 anos.

Francisco José Policarpo Baptista, Mestre em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, é quadro da FAF, ocupando as funções de Vice-presidente do Conselho Jurisdicional, e vai integrar um corpo composto por 34 profissionais de diferentes países, com destaque a mais 4 africanos, Lamin Kaba Bajo (Gâmbia), Sarah Ochwada (Kenya), Thulaganyo Gaoshubelwe (South Africa) e Ursuline Zeinabou Kouyate Epse Dah (Cote d’Ivoire).

De acordo com o Artigo 54 dos Estatutos da FIFA, o angolano vai contribuir para as tomadas de decisões no Tribunal de Futebol, órgão que aprova as decisões relacionadas a disputas relacionadas ao futebol e aplicações regulatórias, com realce a Câmara de Resolução de Disputas, a Câmara de Status dos Jogadores, e a Câmara de Agentes, em que as funções do Tribunal de Futebol são regidas pelas Regras de Procedimento do Tribunal de Futebol, emitidas pelo Conselho da FIFA.

Angola defronta Egipto na rota do mundial no Qatar

A selecção sénior masculina de futebol (Palancas Negras) defronta a sua congênere do Egipto, no próximo dia 1 de Setembro, às 22h00, no Estádio 30 de Junho, no Cairo, em desafio referente à primeira jornada do Grupo F de apuramento para a fase final do Campeonato do Mundo, a ter lugar de 21 de Novembro a 18 de Dezembro de 2022, no Qatar.

De acordo com a circular da FIFA, tornada pública na passada sexta-feira, os Palancas Negras recebem a seguir os líbios, no dia 7 de Setembro, no Estádio Nacional 11 de Novembro, para a segunda jornada. Além do Egipto e a Líbia, integra igualmente o Grupo, a selecção do Gabão.

Os dois primeiros classificados de cada grupo apuram-se para a segunda fase, onde se qualificam depois os cinco representantes do continente africano para o mundial.

P