Palancas Negras: Giovani Bamba fora da operação Egipto

O médio Giovani Bamba, 22 anos, do Stade-Lausanne da segunda Liga suíça de futebol, apontado como uma das novidades na convocatória de Pedro Gonçalves, tornou pública, tendo em vista os jogos contra o Egipto e Líbia, referentes à primeira e segunda jornadas do Grupo F da campanha de apuramento para o Campeonato do Mundo da FIFA, a disputar-se de 21 de Novembro a 18 de Dezembro de 2022, no Qatar, é carta fora do baralho.

A Claque Magazine soube que apesar de ter manifestado a intenção em se tornar um Palanca Negra, o atleta está com limitações administrativas, por não ter ainda regularizada a sua identidade angolana, apesar de todo esforço da Federação Angolana de Futebol.

De acordo com a fonte, na mesma situação está o médio Kevin Bukusu, do NEC da Holanda, Clinton mata, ao passo que Hélder Costa, avançado do Leeds United e Ivan Cavaleiro, do Fulham da Inglaterra, aguardam pelo parecer da FIFA, por já terem representado a selecção AA portuguesa.

ADDVERTISE