CHAN: Pedro Gonçalves admite que a equipa aprendeu com os erros diante do Mali

Pedro Gonçalves revelou que a equipa superou o decepcionante empate ante o Mali com o firme objetivo de derrotar a Mauritânia, quando as duas equipas se defrontarem nesta sexta-feira.

Os Palancas Negras perderam a vantagem de 3 a 1 aos 77 minutos, quando sofreu duas vezes nos cinco minutos seguintes e perdeu dois pontos no jogo mais dramático até agora no Campeonato Africano das Nações TotalEnergies (CHAN), na Argélia.

Com a segunda partida do torneio se aproximando contra a Mauritânia, no Grupo D, no Estádio Miloud Hadefi, em Oran, Pedro Gonçalves diz que trabalhou para consertar os erros que cometeu na partida anterior.

“Temos trabalhado muito nos treinos e corrigido esses erros. Devemos ser mais agressivos principalmente no terço final do jogo e manter o foco durante todo o jogo. Fizemos todas as correções necessárias para não repetirmos esses erros”, explicou Pedro Gonçalves, garantindo que a equipa está confiante em fazer melhor. “Nosso próximo jogo é muito difícil porque o nosso adversário, a Mauritânia, sabe que se perder o jogo, estará fora do torneio. Portanto, devemos ter cuidado e a nossa atitude deve ser correta”.

Angola disputa a quarta edição do CHAN, chegou à final na estreia em 2011, mas não passou da fase de grupos em 2016, no Ruanda. Dois anos depois, em Marrocos, o Palancas Negras chegou aos quartos-de-final, e nesta edição almeja voltar a disputar a final.

ADDVERTISE